NOTÍCIAS

Aché Laboratórios compra Tiaraju e amplia portfólio com fitomedicamentos, nutracêuticos e nutricosméticos

30 de novembro de 2016

01 de Julho de 2016

O Aché anuncia a aquisição do Laboratório Químico Farmacêutico Tiaraju, empresa gaúcha voltada à produção de fitomedicamentos. Além disso, irá acessar o portfólio diferenciado de nutracêuticos e nutricosméticos desenvolvido pelo Laboratório Tiaraju. A aquisição faz parte dos investimentos previstos pelo Aché no ano em que completa 50 anos, que devem ser da ordem de R$ 160 milhões em 2016.

Com amplo histórico de inovação à base de plantas medicinais, o Aché é a segunda farmacêutica no mercado brasileiro de fitomedicamentos, que movimentou R$ 1,1 bilhão em 2015. Com a aquisição, a companhia irá incorporar 12 novos produtos. “Isso possibilitará ao laboratório buscar a liderança neste segmento, por meio de lançamentos de produtos diferenciados que completarão nosso portfólio inovador, que é reconhecido por médicos e pela população”, afirma Paulo Nigro, presidente do Aché.

“Estamos muito honrados com este projeto junto ao Aché. Nossa equipe está totalmente focada em colocar a serviço do Aché nosso expertise em mais de 25 anos no segmento, desenvolvendo produtos inovadores e de alta qualidade”, afirma Antonio Rigon, fundador do Laboratório Tiaraju.

A companhia também deverá introduzir oito novos nutracêuticos no mercado em 2017, ampliando sua participação em um segmento de R$ 1,3 bilhão anual. A estratégia possibilitará à empresa dobrar o faturamento com nutracêuticos. “Isso nos ajuda a continuar crescendo e levando mais qualidade de vida para a população, por meio d prevenção e tratamentos para a saúde e o bem-estar”, avalia Nigro. 

O investimento é estratégico também para possibilitar ao Aché a entrada no segmento de nutricosméticos, que movimenta R$ 360 milhões no País. “Lançaremos, a partir do início de 2017, uma linha completa de nutricosméticos, trazendo produtos com formulações inovadoras”, ressalta o presidente.

Tradição em fitomedicamentos

Com visão inovadora, o Aché começou a realizar pesquisas baseadas na biodiversidade brasileira nos anos 1980. Em 2005, lançou Acheflan, que é o primeiro fitomedicamento com pesquisa e desenvolvimento 100% nacionais, produzido a partir do extrato da Cordia verbenacea, uma planta encontrada na Mata Atlântica. Os estudos para o desenvolvimento de Acheflan levaram cerca de 15 anos e foram conduzidos em parceria com quatro importantes universidades do País: Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Unifesp, PUC-Campinas e Unicamp. O produto inovador é um ativo importante na estratégia para atingir outros territórios, como América do Sul, México e Japão.

A companhia ainda possui um vasto histórico de lançamentos não oriundos da biodiversidade brasileira, como Sintocalmy (Passiflora incarnata L.), Motore (Curcuma longa), Fisioton (Rhodiola rosea L) e Soyfemme (Glycine max).

Inovação em nutracêuticos 

O Aché entrou no mercado de nutracêuticos em 2011, quando firmou uma parceira com a inglesa Oxford Pharmascience para trazer ao País produtos voltados à suplementação alimentar, com tecnologias únicas e inovadoras. Um exemplo é o Inellare, suplemento de cálcio e vitamina D, indicado para complementar a ingestão de cálcio, auxiliando na prevenção de perda de massa óssea. Atualmente, a companhia possui sete produtos nutracêuticos: Cativa, Collestra, Dose D, Proepa Gesta, Inellare, Biozinc e Dayvit Kids 1+. Voltar

  • SIGA O ACHÉ NAS REDES SOCIAIS:

X
  • ATUALIZAÇÃO DA POLÍTICA DE PRIVACIDADE

O Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A se preocupa com a sua privacidade e quer que você esteja familiarizado com a forma como coletamos, utilizamos e divulgamos suas informações.

COLETA DE INFORMAÇÕES:

Alguns dados pessoais podem ser solicitados para que você se beneficie de nossos serviços ou programas. Sempre que obrigatório por Lei, seu consentimento será solicitado. Você também poderá exercer seus direitos em relação a seus dados por meio do nosso Canal de Comunicação.

SEGURANÇA:

Empregamos os melhores esforços para respeitar e proteger seus dados pessoais contra perda, roubo, vazamento ou qualquer modalidade de uso indevido, bem como contra acesso não autorizado, divulgação, alteração e destruição.

CANAL DE COMUNICAÇÃO:

Para assuntos exclusivamente relacionados à privacidade de dados, clique aqui.

Para outros assuntos, clique aqui.

Política de privacidade, clique aqui.