NOTÍCIAS

Primeiro estudo clínico no mundo com dexametasona para o tratamento da Covid-19: corticoide Aché para o combate da pandemia

17 de abril de 2020

O Aché, em parceria com o Hospital Sírio-Libanês, iniciará protocolo de pesquisa para avaliar o possível efeito terapêutico de dexametasona em pacientes graves com COVID-19 em ventilação mecânica nas UTIs.

O medicamento dexametasona é um corticoide e já demonstrou anteriormente ajudar a reduzir a duração do uso de ventilação mecânica em pacientes com síndrome do desconforto respiratório agudo causada por outras doenças.

Esse é o primeiro estudo clínico no mundo que avalia a dexametasona em pacientes com COVID-19 na fase mais grave, com  síndrome do desconforto respiratório agudo. O Aché fornecerá 2,5 mil ampolas da medicação para serem utilizadas nas pesquisas clínicas, além de toda logística de distribuição para os centros de pesquisa e o seguro aos participantes do estudo.

Os primeiros resultados estão previstos para sair até final de junho e, segundo o Superintendente de Ensino e Pesquisa do Sírio-Libanês, o estudo avaliará 300 pacientes em mais de 40 centros de pesquisa e contará com o apoio do Ministério da Saúde e hospitais como Hospital Israelita Albert Einstein, Hospital Oswaldo Cruz e Hospital do Coração.

Aché Laboratórios Farmacêuticos
Publicado em 16/04/2020.

  • SIGA O ACHÉ:

X
  • Alert
  • ATUALIZAÇÃO DA POLÍTICA DE PRIVACIDADE

O Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A se preocupa com a sua privacidade e quer que você esteja familiarizado com a forma como coletamos, utilizamos e divulgamos suas informações.

COLETA DE INFORMAÇÕES:

Alguns dados pessoais podem ser solicitados para que você se beneficie de nossos serviços ou programas. Sempre que obrigatório por Lei, seu consentimento será solicitado. Você também poderá exercer seus direitos em relação a seus dados por meio do nosso Canal de Comunicação.

SEGURANÇA:

Empregamos os melhores esforços para respeitar e proteger seus dados pessoais contra perda, roubo, vazamento ou qualquer modalidade de uso indevido, bem como contra acesso não autorizado, divulgação, alteração e destruição.

CANAL DE COMUNICAÇÃO:

Para assuntos exclusivamente relacionados à privacidade de dados, clique aqui.

Para outros assuntos, clique aqui.

Política de privacidade, clique aqui.