NOTÍCIAS

Após aquisição, Aché Laboratórios se prepara para iniciar produção na fábrica de Londrina

27 de novembro de 2017
Após aquisição, Aché Laboratórios se prepara para iniciar produção na fábrica de Londrina
Com a incorporação da Nortis Farmacêutica, laboratório amplia sua plataforma industrial e tecnológica e internaliza a fabricação de antibióticos.
Com a aquisição da Nortis Farmacêutica, realizada em abril de 2016, o Aché Laboratórios ampliou os investimentos para adaptar e integrar as equipes, além de reformar a unidade para a produção de comprimidos, cápsulas e suspensões orais. Adaptada aos rigorosos critérios da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), a fábrica agora se prepara para iniciar a produção de antibióticos com a marca Aché.

O aperfeiçoamento na produção da unidade vai ao encontro da proposta do laboratório de crescer com excelência operacional e inovação, mantendo o foco no cliente e na sustentabilidade econômica. “A aquisição da Nortis está alinhada aos pilares estratégicos da companhia para crescer até 2030, por garantir o controle da tecnologia e da produção de antibióticos, o que nos assegura a levar mais vida às pessoas, por meio de tratamentos que trazem saúde e bem-estar”, afirma Paulo Nigro, presidente do Aché. 
O investimento realizado após a aquisição foi de R$ 10 milhões e envolveu a compra de novos equipamentos industriais além da reforma da fábrica e a aquisição de máquinas para as áreas de logística, tecnologia da informação e qualidade. “Todos os postos de trabalho foram mantidos e os operadores já foram treinados nas novas tecnologias e novos processos produtivos”, diz Marcio Freitas, diretor industrial do Aché. 
A fábrica londrinense está em fase de validação de processos e pronta para receber a certificação da Anvisa, que deve acontecer ainda em março. “Após a inspeção, o próximo passo é iniciar a fabricação da linha de antibióticos na Nortis, o que deve acontecer até o fim deste ano”, completa Freitas. A expectativa do Aché é de produzir cerca de 10 milhões de unidades por ano em Londrina. A aquisição fez parte dos investimentos industriais e de melhoria da produtividade realizados pelo Aché em 2016, que totalizaram R$ 52 milhões no ano e promoveram aumento de produtividade de 11%.
“A nova fábrica também abre ao Aché possibilidades de explorar a produção de novas formulações, combinações e novos regimes posológicos para esta classe terapêutica, resultando em melhoria de eficácia e maior comodidade para os pacientes”, diz Stephani Saverio, diretor de inovação do Aché. 
  • SIGA O ACHÉ NAS REDES SOCIAIS:

X
  • ATUALIZAÇÃO DA POLÍTICA DE PRIVACIDADE

O Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A se preocupa com a sua privacidade e quer que você esteja familiarizado com a forma como coletamos, utilizamos e divulgamos suas informações.

COLETA DE INFORMAÇÕES:

Alguns dados pessoais podem ser solicitados para que você se beneficie de nossos serviços ou programas. Sempre que obrigatório por Lei, seu consentimento será solicitado. Você também poderá exercer seus direitos em relação a seus dados por meio do nosso Canal de Comunicação.

SEGURANÇA:

Empregamos os melhores esforços para respeitar e proteger seus dados pessoais contra perda, roubo, vazamento ou qualquer modalidade de uso indevido, bem como contra acesso não autorizado, divulgação, alteração e destruição.

CANAL DE COMUNICAÇÃO:

Para assuntos exclusivamente relacionados à privacidade de dados, clique aqui.

Para outros assuntos, clique aqui.