Sustentabilidade

Meio Ambiente

O consumo consciente de recursos, principalmente os não renováveis, é uma prioridade para o Aché. Nosso propósito de levar mais vida às pessoas está diretamente relacionado ao de conduzir nosso negócio de maneira responsável e a criar mais vida para o planeta. Nessa direção, cuidados com o consumo de água e reutilização para evitar desperdício, processos para economia de energia elétrica e gestão eficiente de resíduos fazem parte das nossas políticas ambientais.

Nosso sistema de gestão e produção atende às exigências ambientais e contamos com as certificações ISO 14001, relativa ao meio ambiente, e ISO 45001, com foco na gestão da saúde ocupacional dos colaboradores. Agora estamos nos preparando para a ISO 50001, que trata da gestão energética. Além disso, estendemos nosso cuidado com o meio ambiente até nossa cadeia de fornecedores, que também precisam seguir regras rígidas, previstas em contrato.

Em 2021, o Aché participou, como empresa signatária, do lançamento da carta de compromissos climáticos “Proposta e recomendações empresariais para a NDC Brasileira”, apresentada pelo Instituto Ethos durante evento da COP26.

O documento foi construído de forma colaborativa pelo Grupo Trabalho de Meio Ambiente do Ethos.

Nele, são apresentadas propostas de adaptação e mitigação à crise climática, como ações para aumentar as metas de redução das emissões de gases do efeito estufa.

Também em 2021 recebemos o certificado Carbono Positivo do nosso parceiro Box Print. O certificado é referente à neutralização de emissão de CO2 gerado nos processos de fabricação e entrega das embalagens adquiridas pelo Aché no ano de 2020. A neutralização foi feita por meio do projeto florestal de sequestro de carbono.

Em relação à gestão de resíduos, foram adquiridos bioconversores para os restaurantes da Companhia, com a finalidade de transformar restos alimentares em biofertilizantes, contribuindo para a meta de aterro zero de descarte orgânico. Até 2025, a Companhia tem como objetivo zerar o descarte de resíduos orgânicos dos restaurantes em aterros sanitários, reduzindo a emissão de CO₂.

Reflorestamento em Pernambuco

Em 2021, o Aché incrementou o projeto de reflorestamento, iniciado em 2020, na região portuária de Suape, no município do Cabo de Santo Agostinho (PE).

A iniciativa é voltada à compensação ambiental de 4,47 hectares prejudicados por desastres naturais, como as queimadas, e inclui a implantação de área de conservação ambiental de 4,5 hectares dentro da planta fabril do Aché.

Desenvolvido em conjunto com uma empresa de consultoria em sustentabilidade, o projeto já promoveu o plantio de 7.450 mudas de espécies nativas do bioma da Mata Atlântica e tem contribuído para recuperar a área degradada e restabelecer o equilíbrio do ecossistema local, com redução do efeito estufa e equilíbrio do meio ambiente.

Consumo de Energia

O Aché realiza a gestão do tema por meio da Política de Segurança do Trabalho, Saúde, Meio Ambiente e Energia. Os controles internos são feitos por planilha eletrônica, faturas e gerenciador de demandas, de acordo com a resolução nº456 da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica).

Adotamos medidas para a otimização do vapor na planta de Guarulhos, que resultou na redução de 8% no consumo de gás natural em comparação a 2020.

Emissões

Em 2021, elaboramos nosso inventário de gases de efeito estufa. A partir desses resultados, estamos construindo um plano de mitigação.

Uso Racional de Água

O fornecimento de água é realizado pela concessionária, consumido em processos produtivos e refeitório e consumo humano.

Realizamos o monitoramento do consumo de água por meio de hidrômetros, faturas, planilhas e controle mensal das instalações prediais, cuja gestão é baseada na Política de Segurança do Trabalho, Saúde, Meio Ambiente e Energia. Atuamos em ações para reutilizar, modernizar os processos e conscientizar os colaboradores.

Em relação ao descarte de efluentes, temos como base o Decreto nº 8.468/1976, do estado de São Paulo, e o Conama nº 430, bem como utilizamos procedimentos internos para a gestão do tema.

No que se refere ao perfil do corpo d’agua que recebe o descarte, para a unidade Aché Guarulhos temos o Córrego Cubas e o Rio Tietê. No caso das unidades Aché SP, Aché PE, Aché GO e Aché PR utilizamos o sistema de coleta

Logística Reversa e Resíduos

Os resíduos são oriundos de matéria-prima e medicamentos controlados e os gerados internamente nos processos produtivos líquido/sólidos do Aché.

Na fabricação de produtos controlados, temos ações mitigadoras de armazenamento, transporte e tratamento final que incluem: processos de armazenamento com controle de acesso, acondicionamento adequado, documentado e registrado devidamente para rastreabilidade; transporte devidamente adequado, com conferência das documentações necessárias, e processo de disposição final (incineração), com certificado de destruição do produto controlado.

Para maior controle/efetividade dos resíduos gerados temos como parceira a empresa Ambipar, especializada no gerenciamento total de resíduos, supervisionada por meio de reuniões técnicas e do SLA (Service Level Agreement).

Implementamos nas unidades programas voltados à mitigação dos impactos dos resíduos gerados. Temos como referência o sistema de gestão ambiental ISO 14.001, que leva em consideração as perspectivas do ciclo de vida do produto, e realizamos o programa de Logística Reversa, de acordo com o Decreto Federal nº 10.388/20, no que se refere aos resíduos gerados pós-consumo.

Em 2021, implementamos dois projetos na área produtiva: sobra de caixas poliondas e tarugos que podem ser reaproveitados em sua origem.

Embalagens

Para o Aché, o descarte correto de medicamentos é uma grande questão, tanto em relação à saúde pública quanto ao Meio Ambiente. Ter um compromisso com toda a cadeia de embalagens e produtos, desde a fabricação até a destinação dos resíduos, reforça nossa atenção integral com a saúde do solo, da água, do ar e das pessoas.

Orientamos os consumidores sobre o descarte correto de medicamentos e embalagens por meio das bulas, do site institucional e da CAC (Central de Atendimento a Clientes). Também utilizamos tintas e vernizes atóxicos e celulose de áreas de reflorestamento na produção das embalagens.

Somente em 2021, adquirimos 223 milhões de cartuchos e 304 milhões de bulas para medicamentos provenientes de madeira de reflorestamento, certificada pelo selo FSC (Forest Stewardship Council), que atesta a origem da matéria-prima. Com relação às caixas para transporte de produtos, 7 milhões são provenientes de áreas de reflorestamento certificadas e 543 mil de bagaço de cana-de-açúcar.

Iniciamos, ainda, um projeto que avaliou 50% do portfólio existente do Aché e analisou as oportunidades de sustentabilidade em materiais de embalagens secundárias. O objetivo é implementar, já em 2022, dois projetos para substancial redução na geração de resíduos.

  • SIGA O ACHÉ NAS REDES SOCIAIS:

X
  • ATUALIZAÇÃO DA POLÍTICA DE PRIVACIDADE

O Aché Laboratórios Farmacêuticos S.A se preocupa com a sua privacidade e quer que você esteja familiarizado com a forma como coletamos, utilizamos e divulgamos suas informações.

COLETA DE INFORMAÇÕES:

Alguns dados pessoais podem ser solicitados para que você se beneficie de nossos serviços ou programas. Sempre que obrigatório por Lei, seu consentimento será solicitado. Você também poderá exercer seus direitos em relação a seus dados por meio do nosso Canal de Comunicação.

SEGURANÇA:

Empregamos os melhores esforços para respeitar e proteger seus dados pessoais contra perda, roubo, vazamento ou qualquer modalidade de uso indevido, bem como contra acesso não autorizado, divulgação, alteração e destruição.

CANAL DE COMUNICAÇÃO:

Para assuntos exclusivamente relacionados à privacidade de dados, clique aqui.

Para outros assuntos, clique aqui.

Política de privacidade, clique aqui.