ss

O Aché dedica-se a pesquisas de inovação radical há mais de 10 anos, quando optou, inicialmente, pelos fitotemedicamentos.

A inovação radical consiste na pesquisa e no desenvolvimento de novos ativos, sejam eles sintéticos, fitomedicamentos, biológicos, nutracêuticos ou dermocosméticos. Essa linha de pesquisa, exige alto custo de investimento e longo período de pesquisa. Para o Aché, o risco deve ser sempre considerado em relação ao potencial de oportunidade, inserido dentro do modelo de gestão e estratégia da Companhia.

Em novembro de 2015 o Aché apresentou o Centro de Inovação Radical e inaugurou o Laboratório de Design e Síntese Molecular.

Apoio: