Aché apoia ‘João, o Maestro’, filme sobre a vida de João Carlos Martins

7 de agosto de 2017 – Cumprindo sua missão de levar mais vida às pessoas onde quer que elas estejam, o Aché apoia o longa-metragem “João, o Maestro” sobre a vida de João Carlos Martins, com direção de Mauro Lima e produção da LC Barreto.

 

Filmado em sete semanas, o filme estreia em todo o país em 17 de agosto e é inspirado em um dos maiores pianistas do mundo e um dos poucos músicos a gravar a obra completa de Johann Sebastian Bach, considerado um dos maiores artistas da história da música. Nascido em São Paulo, em 1940, o artista começou a estudar piano aos oito anos e iniciou a carreira profissional aos 13. Estreou no Carnegie Hall, em Nova Iorque (EUA), aos 20 anos e todas as suas apresentações tiveram ingressos esgotados.

oMAESTRO

Por conta de diversos problemas de saúde foi obrigado a deixar de lado a carreira de pianista, definitivamente, em 2002 e tornou-se maestro. Foi com inspiração nessa história que Mauro Lima, que também dirigiu “Meu nome não é Johnny” e “Tim Maia”, escreveu o roteiro e dirigiu o projeto. O filme traz Alexandre Nero, Rodrigo Pandolfo e Davi Campolongo como João Carlos Martins em fases distintas da vida. Fernanda Nobre, Alinne Moraes e Caco Ciocler completam o elenco.

 

MarciaTedesco

 

Para Marcia Tedesco Dal Secco, gerente de comunicação e responsabilidade social do Aché, “a história de superação do maestro nos mostra como uma paixão – no caso dele, pela música – pode nos ajudar a transpor problemas de saúde. Apoiar este filme é uma grande satisfação para nós que trabalhamos nesta área, já que uma saúde integral passa também pelo acesso à cultura”, conclui.

 

O trailer pode ser visto neste link: https://youtu.be/ICIkv-iGkko

Sinopse:

João Carlos era uma criança com sérios problemas de saúde. Por conta disso, teve uma infância reclusa. Até que um piano entrou na casa e na vida de João. A partir daí surge um garoto obstinado que, em poucos anos, se transforma em uma das maiores promessas da música erudita mundial e chegou a ser considerado um dos maiores intérpretes de Bach do século XX. Uma série de acidentes passa pela vida do músico e faz com que ele se afaste do piano gradativamente até que um último acontecimento brutal interrompe sua carreira de pianista. Como João nunca desistiu, seguiu em frente, descobriu a regência, se tornou maestro e segue superando todas as dificuldades por amor à música.